terça-feira, 6 de outubro de 2009

33 razões para ler

33 RAZÕES PARA LER
1 Para viver mais
2 Para saber que estamos vivos
3 Para saber que não estamos sós
4 Para saber
5 Para aprender
6 Para aprender a pensar
7 Para descobrir o mundo
8 Para conhecer outros mundos
9 Para conhecer os outros
10 Para nos conhecermos a nós próprios
11 Para partilhar
12 Para criar um mundo próprio
13 Para ser artista
14 Para rir
15 Para chorar
16 Para cantar
17 Para nos consolarmos
18 Para viajar
19 Para ser o que não somos
20 Para ser o que somos
21 Para duvidar
22 Para negar
23 Para afirmar
24 Para nos refugiarmos
25 Para nos evadirmos
26 Para explorar
27 Para jogar
28 Para passar o tempo
29 Para adormecer
30 Para sonhar
31 Para crescer
32 Para nos emocionarmos
33 Para imaginar

Se descobrires mais razões escreve-as aqui.
_______________________________
_______________________________

BIBLIOTECA
C E N T R O D E R E C U R S O S


CENTRO DE RECURSOS DA ESCOLA BÁSICA INTEGRADA DE APÚLIA
2009 . 2010
A Biblioteca está aberta todos os dias de manhã e de tarde.
Na Biblioteca podes:
■ Consultar livros de vários temas.
■ Fazer leitura informal.
■ Visualizar filmes didácticos ou recreativos.
■ Ouvir música ou histórias.
■ Realizar trabalhos de casa.
■ Pesquisar para os teus trabalhos escolares ou
sobre temas que te despertem interesse.
■ Utilizar os computadores.
■ Requisitar livros para leitura domiciliária.



Lembra-te que os livros
■ Desenvolvem a imaginação e o conhecimento.
■ Estimulam a curiosidade e a compreensão.
■ Educam os sentimentos e ajudam a conhecermo-nos melhor e a identificarmo-nos com os outros.
■ Enriquecem a linguagem e aumentam a capacidade de expressão.
■ Dão outra visão do mundo.


EMPRÉSTIMO DOMICILIÁRIO
■ Para leres em casa, só podes levar os livros que se encontram nas estantes indicadas com “Requisição Domiciliária”. Estes livros têm um S assinalado nas cotas.
■ Nenhum livro pode ser levado sem que o professor responsável ou a funcionária preencha a ficha de requisição.
■ Cada livro é emprestado por um período máximo de dez (10) dias e tem de ser entregue em bom estado.
■ Não podes proceder a novas requisições se tiveres algum livro por devolver.
■ Os livros são sempre entregues ao professor ou funcionária presente na Biblioteca, que deles dará baixa na ficha de requisição. Nunca os coloques tu nas prateleiras.


Não esqueças: no Centro de Recursos não deves comer, beber, usar o telemóvel, falar alto, correr, mudar de lugar e de computador constantemente…
A tua mochila deve ser deixada, sempre, junto da porta de entrada.


No centro de Recursos há sempre alguém disponível para te orientar e apoiar. APARECE !!!

Gripe A

A E A
B I B L I O T E C A
GRIPE A


É fundamental que o Plano de Contingência da escola/agrupamento defina claramente o papel da biblioteca e as acções a realizar, quer em termos de informação e prevenção, quer na promoção de actividades pedagógicas a desenvolver em situação de crise, com relevo para actividades a distância, tanto mais que de acordo com as orientações da Direcção Geral da Saúde (DGS) para as escolas «É de equacionar a possibilidade de utilização do teletrabalho».
Teresa Calçada
(Coordenadora da Rede de Bibliotecas Escolares)



De acordo com as orientações da DGS, a Biblioteca Escolar já está a implementar medidas preventivas, nomeadamente:
► divulgação de informação sobre a gripe A e dos comportamentos preventivos a adoptar; (com este objectivo, o Plano Nacional de Leitura, lançou um livro digital intitulado “O Nuno escapa à gripe A”, escrito por Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada. O livro, ilustrado, explica aos mais pequenos o que é a gripe A e qual a melhor estratégia para evitar o contágio. Este livro está a ser apresentado na Biblioteca aos alunos do 1º ciclo e do 5º ano.
► colocação de dispositivos e medidas de desinfecção das mãos à entrada da biblioteca;
► disponibilização de meios de protecção como lenços de papel (luvas e máscaras serão usadas no manuseamento dos livros se tal se mostrar aconselhável);
► desinfecção das superfícies de trabalho, como mesas e teclados de computador (será também aconselhado aos alunos que procedam, eles próprios, a esta desinfecção, utilizando toalhetes com álcool que deverão trazer de casa);

► previsão de um período de quarentena da documentação após empréstimo domiciliário ( 24 horas);

► elaboração de um plano de substituição, no seio da equipa da biblioteca, do professor bibliotecário e da funcionária, em caso de ausência destes, tendo sempre presente as disponibilidades da Escola.




Considerando a possibilidade de alunos desta escola contraírem gripe A e ficarem impedidos de comparecer na escola por um período alargado de tempo, estão a ser programadas actividades que os alunos poderão realizar nas suas casas, acedendo à Internet.
► O blog da Biblioteca da Escola, além de divulgar assuntos que à Biblioteca digam respeito, poderá assegurar a divulgação de materiais que permitam aos alunos desenvolver, de forma orientada, trabalho escolar à distância nas diversas disciplinas ou áreas disciplinares.
► De igual modo, a Biblioteca prepara-se para proporcionar aos alunos actividades que supram as ausências de professores impedidos de comparecer na escola.
Com este objectivo, será importante que os professores, individualmente ou em Departamento Curricular, programem actividades e materiais para serem disponibilizados aos alunos no espaço físico da Biblioteca ou através do seu Blog
► Com os materiais elaborados, a Biblioteca poderá, também, organizar maletas pedagógicas destinadas a empréstimo para as salas de aula da Escola Sede e das diferentes Escolas do Agrupamento, nas situações em que se verifique ausência do professor da turma/disciplina e a aula tenha de ser assegurada por um professor substituto.
► Proceder-se-á à divulgação de propostas de leituras, filmes e sítios a explorar pelos alunos em casa, com a família e com os amigos.





O Plano Nacional de Leitura sugere algumas actividades para serem desenvolvidas com os alunos com vista ao combate à propagação da gripe

Projecto «Ler +, agir contra a Gripe»


O Projecto «Ler +, agir contra a Gripe» visa melhorar a informação das crianças e dos jovens que frequentam as escolas e, através deles, das suas famílias e das suas comunidades sobre as formas de prevenir a Gripe A, no quadro estratégico de acção global contra a pandemia.
Conceptualmente, com este Projecto, pretendemos desenvolver um conjunto de iniciativas relacionadas com a leitura e a escrita, que contribuam para melhorar os níveis de literacia em saúde e a prevenção das doenças transmissíveis, em especial da Gripe.
Atendendo a que o principal local de intervenção do Projecto é a Escola, as actividades serão centradas na comunidade educativa, sem perder de vista o potencial de divulgação das instituições envolvidas, tais como, as bibliotecas escolares e públicas.
A operacionalização deste projecto passa pela utilização da rede digital do Nacional de Leitura (PNL), através de actividades para serem desenvolvidas nos seus quatro eixos: «Ler + nas escolas», «Ler + nas bibliotecas», «Ler + em família» e «Ler + em todo o lado».
As actividades previstas propõem a adopção de comportamentos inteligentes, que dificultem a transmissão do vírus, através de medidas de protecção da saúde individual e da saúde da comunidade, com o reforço da importância da lavagem frequente das mãos e da protecção da boca e do nariz ao tossir ou espirrar, por forma a diminuir e atrasar o mais possível a propagação do vírus.
A sustentabilidade do Projecto decorrerá da sua adaptabilidade às diferentes fases da pandemia.



Algumas das actividades sugeridas pelo PNL:

► Produção de uma colecção de histórias infantis à volta do tema «Agir contra a Gripe» para serem utilizadas por educadores nos Jardins de infância e pelos professores do 1.º e 2.º ano do 1.º ciclo do Ensino Básico na «Hora da Leitura»

► Trabalhos individuais ou de grupo e Blogues, desenvolvidos por alunos, sob proposta dos professores do 2.º, 3.º ciclo do Ensino Básico e do Ensino Secundário sob o mote “És mais esperto do que a gripe? Sabes como agir?”

► Produção de canções sobre o tema da Gripe “A cantar também se aprende”

► Produção e afixação de cartazes e distribuição de materiais informativos sobre a Gripe A

► Leitura e análise de informação da DGS sobre a Gripe A nas reuniões de início do ano lectivo, com familiares de alunos, nos Jardins de Infância e nas Escolas do 1º Ciclo.

► Leitura em família de livros digitais e de recursos de informação sobre a Gripe A e envio de slogans sobre os principais gestos de protecção contra a
Gripe em família, a publicar no sítio do PNL

► Sensibilização das empresas para a promoção da leitura junto da população activa, através da divulgação de mensagens sobre «Prevenção da Gripe e Ser Saudável».

► Selecção de livros sobre promoção da saúde e estilos de vida saudáveis, com interesse para diferentes públicos alvo



Agrupamento de Escolas de Apúlia, Setembro, 2009